4mar/210

Santa Maria: Em entrevista ao blogdogbu Daniel Radar declara que Jaqueline Silva vai colher o que planta hoje

Entrevista - Daniel Radar

Blogdogbu - Estamos no ano pré-eleitoral. Qual a sua perspectiva com vistas as eleições para Deputado distrital em 2022?

Daniel Radar - Será uma grande oportunidade para o eleitor do Distrito Federal, avaliar a postura da Câmara Legislativa e decidir que tipo de representante quer ver lá dentro. Não é correto, e muito menos justo com a população, apequenar o Poder Legislativo rebaixando a mero puxadinho do GDF. Lá o governo faz o que quer, aprova o que quer, inclusive enterrando CPI's. Uma submissão clara em troca do mais puro toma lá dá cá! Se faz urgente que a CLDF cumpra o seu verdadeiro papel de legislar, mas acima de tudo de fiscalizar os desmandos do poder Executivo.

Blogdogbu - A tendência natural em Santa Maria será uma disputa para a Câmara Legislativa entre você e atual deputada distrital Jaqueline Silva. O senhor está preparado para esse enfrentamento nas eleições do ano que vem?

Daniel RadarDesde que fundei o projeto Radar Santa Maria, tenho me dedicado em dar visibilidade e buscar soluções para os problemas da cidade. Faço isso independente de mandato há mais de 10 anos. Dei voz a muitos moradores e com muita pressão e fiscalização conseguimos resolver vários problemas da região. Muitos leitores do Radar me pediam para ser candidato. Quando aceitei o desafio, em 2018, recebi 12.208 votos, 9.774 foram em Santa Maria, onde fui o mais votado na cidade. Essa votação mostrou que estamos no caminho certo. Independente de eleição estamos fazendo um trabalho que tem o reconhecimento da cidade. E sinto muito orgulho dessa trajetória.

Blogdogbu - Qual avaliação que você faz do mandato até esse momento da deputada distrital Jaqueline Silva?

Daniel Radar - Qualquer pessoa eleita, seja ela quem for, tem por obrigação retribuir o voto de confiança com trabalho. Estranho se isso for diferente. Santa Maria foi determinante para a eleição dos 24 distritais eleitos. Porém, essa relação promíscua que a maioria dos deputados distritais tem com o GDF, fez Santa Maria amargar por décadas um engessamento econômico, fundiário e estrutural da cidade. A indicação do cargo de Administrador Regional por deputados distritais, por exemplo, ao contrário do que muitos pensam, limita e muito a ação desses gestores. Muitas vezes quando o administrador é indicado por um parlamentar, os demais distritais perdem o interesse em atender as demandas da cidade. Com isso perdemos recursos (através de emendas ao Orçamento) e as benfeitorias diminuem, pois uma uma cidade que "possui dono (a)" não é atrativa do ponto de vista eleitoral para os demais deputados. Santa Maria não pode ser um curral eleitoral de político A ou B.

Blogdogbu - Você acredita na reeleição da deputada Jaqueline Silva? Se não acredita, diga porque...

Daniel Radar - O sentimento que vejo nas pessoas nas ruas é de que a Câmara Legislativa, de modo geral, é muito pouco produtiva, custa caro demais para o cidadão e é submissa ao GDF. Acredito que na vida pessoal, e isso também vale para a política, a gente colhe o que planta. E a decisão de quem será eleito ou reeleito estará apenas nas mãos do eleitor ano que vem.

Blogdogbu - Como iremos fazer uma eleição sem coligações em 2022 para deputado distrital. A pergunta que fica é, Daniel Radar está preparado para esse novo formato e já escolheu o partido?

Daniel Radar - Acompanhei todas as alterações na legislação eleitoral. Tenho mantido algumas conversas e recebi alguns convites, mas ainda não tem nada definido. Nem sempre o caminho mais fácil é um bom caminho, principalmente quando se deixa os princípios de lado, isso jamais farei. Seja qual for a decisão, será resultado de muita reflexão.

Blogdogbu - deixe sua mensagem para comunidade de Santa Maria e do DF

Daniel Radar - Santa Maria foi a cidade que acolheu a mim e a minha família. Foi onde nasceram minhas filhas Manu e as gêmeas Jordana e Maitê. Tenho muito orgulho de ser morador de Santa Maria. É uma cidade de gente boa, honesta e trabalhadora, que mesmo com todas dificuldades, como falta de emprego, precariedade no transporte público e na saúde, segue na batalha por uma vida melhor. Agradeço muito aos 12.208 eleitores que me deram o voto de confiança na última eleição. Isso aumenta ainda mais a minha responsabilidade e vontade de lutar por uma política decente e por uma cidade melhor.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn