19jan/210

Estão abertas as inscrições para estágio no GDF

Processo seletivo será realizado on-line e conta com 2,6 mil vagas

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo de estágio no Governo do Distrito Federal (GDF). São 2.629 vagas disponíveis para estudantes de Ensino Médio e Superior, que podem se inscrever até o dia 2 de fevereiro. Para evitar riscos por causa da pandemia do novo coronavírus, tanto a inscrição quanto as provas serão feitas de forma digital.
Os interessados deverão se inscrever no site do Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), empresa vencedora da licitação, para participar de uma prova objetiva. O processo seletivo é coordenado pela Secretaria de Economia, que encaminha os estagiários para os diversos órgãos do GDF — o processo unificado permite a contratação com maior agilidade e transparência.
Os aprovados formarão cadastro de reserva e serão convocados conforme a necessidade dos órgãos, em uma das regiões administrativas que indicarem no momento da inscrição.
Para realizar sua inscrição no processo seletivo, o candidato deverá acessar o site do CIEE clicar no acesso para “estudantes”, localizar na lista de “processos seletivos” o logotipo do GDF/SEEC e clicar no link CIEE.
O CIEE é uma associação civil de direito privado, sem fins lucrativos e de fins não econômicos, reconhecida como entidade de assistência social que, por meio de diversos programas, dentre eles o de aprendizagem e o estágio de estudantes, possibilita aos adolescentes e jovens uma formação integral, ingressando-os ao mundo do trabalho.
Veja aqui o edital
Quem pode concorrer
Para participar do processo seletivo, os estudantes devem estar matriculados em instituições públicas ou privadas, com frequência efetiva nos cursos de Ensino Médio ou Superior, reconhecidos pelo Ministério da Educação.
Na data do início do estágio, o estudante deve ter idade mínima de 16 anos completos e não ter estagiado no GDF por um período superior a 24 meses. A jornada de trabalho é de quatro horas diárias ou 20 horas semanais.
Para os estagiários de nível superior, o valor da bolsa-auxílio é de R$ 600,00. Já para os estudantes de nível médio, a quantia é de R$ 460,00. Além da bolsa, os estagiários recebem auxílio-transporte, no valor de R$8,00/dia estagiado.
* Com informações da Secretaria de Economia
Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18jan/210

Impostaço’ de Doria prejudica pacientes de câncer em São Paulo

Indústria de genéricos denuncia que aumento do ICMS fez disparar remédio Letrozol em 13,64%

A decisão do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de retirar a isenção de impostos de medicamentos, em plena pandemia, prejudica diretamente pacientes que estão em tratamento de câncer, segundo a Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos (Progenéricos).

O preço do medicamento genérico Letrozol, usado no tratamento de câncer de mama, por exemplo, disparou 13,64%. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O Lezotrol passa de R$140 para R$159. Também usado contra de câncer de mama, o genérico Tamoxifeno vai de R$55,14 para R$62,66.

O recuo anunciado por Doria, mantendo o ICMS em 12% para genéricos, não foi suficiente para proteger os consumidores, diz a associação

“Isso trará grande peso no orçamento”, explica Telma Salles, presidente da PróGenéricos. “Além de enfrentar a doença”, lembra ela. Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18jan/210

BRAZLÂNDIA Sem água nessa terça-feira – Manutenção da Caesb

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18jan/210

Águas Lindas: Prefeito Dr. Lucas deseja diretores de escolas escolhidos pela a comunidade

Prefeito Dr Lucas vai mandar para Câmara Municipal projeto de Lei para eleição direta para diretores de escolas municipais.

Em uma LIVE nesta segunda-feira, o prefeito Dr Lucas, após ouvir a comunidade fez um comunicado de que encaminhará para Câmara Municipal o projeto de lei para que os Diretores das Escolas Municipais sejam eleitos de forma democrática, pelos servidores da educação, pais, responsáveis e os vereadores decidirão através de votação. O prefeito também informou que os diretores são um cargo técnico e que é de responsabilidade dele e do vice prefeito Pastor Jorge Amaro acompanhar de perto o trabalho de cada um dos diretores e que irá cobrar resultados. ”Sou a favor da gestão democrática, é um desejo da comunidade, iremos passar isso na câmara para que os pares parlamentares avaliem e também aprovem, mas quero dizer a todos vocês que nós iremos cobrar resultados, nós iremos acompanhar as escolas, independentes de qual é o diretor. O mais importante é que esse diretor que foi escolhido neste momento ele exerça seu papel como diretor e desenvolva seu trabalho pensando na educação, nós como gestores do município temos que dar condições para que esse diretor possa entregar o melhor resultado aos alunos e a nossa comunidade, então quero deixar isso aqui a cada um de vocês tenho recebido as manifestações nos meus celulares na porta da minha casa, mas eu quero dizer a cada um de vocês, fiquem tranquilos, independente de quem é o diretor essa responsabilidade é minha e do Jorge, nós estaremos acompanhando os resultados com o trabalho desenvolvidos por eles.” Dr Lucas- Prefeito.
Jornal Imparcial
Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18jan/210

Brazlândia: Edimar Pireneus vencerá disputa no MDB e Pastor Omar desistirá de 2022

Com dificuldade em montar grupo, Omar Batista vai optar pela desistência

A eleição está chegando e junto a ela as decisões que precisam serem tomadas pelas legendas partidárias na capital da república.

O dilema dentro do MDB de Brazlândia vem sendo a disputa entre o ex-deputado Edimar Pireneus e o ex tucano Pastor Omar Batista. Segundo apurou o blog do gbu o popular Omar Batista vem sinalizando pela desistência de sua pré-candidatura e os principais motivos vem sendo o medo do fracasso nas urnas e a incapacidade que vem tendo de montar um grupo de apoio competitivo para as eleições de 2022.

Em resumo em mar de tubarão, piaba só serve para tirar gosto!

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
17jan/210

Ministro Pazuello detalha distribuição das vacinas para todos os estados igualmente

Ministro criticou a "manobra política" de João Dória, que armou vacinação de uma pessoa para posar para fotos

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, concede entrevista, neste momento, sobre a vacinação contra a covid-19 no país. A coletiva é no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), no Rio de Janeiro.

Neste domingo (17), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou o uso emergencial no país das vacinas CoronaVac, do Instituto Butantan, em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac, e da AstraZeneca, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em parceria com o consórcio Astrazeneca/Oxford. A reunião durou cerca de cinco horas.

No caso da CoronaVac, a taxa de sucesso na prevenção da doença em relação ao grupo que tomou placebo (medicamento inócuo) atingiu 50,39%, segundo a agência. Para a AstraZeneca, a Anvisa confirmou a eficácia global do imunizante em 70,42%.

O Ministério da Saúde afirmou que após a aprovação da Anvisa, o início da vacinação pode ocorrer em até cinco dias. A previsão é de que o processo possa começar no dia 20 ou 21 de janeiro.

Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
17jan/210

Diretoria da Anvisa aprova uso emergencial das vacinas de Oxford e Coronavac

Relatora Meiruze Freitas, Romison Mota e Alex Campos votaram a favor da liberação para aOxford/AstraZeneca e Coronavac

Depois de extensa análise durante quase cinco horas de reunião, a diretoria colegiada da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu, por unanimidade de seus diretores, aprovar o uso emergencial das vacinas de Oxford/AstraZeneca e Coronavac contra a covid-19 no Brasil.

Segundo a relatora, Meiruze Freitas, a ausência de alternativa terapêutica e os benefícios que se sobrepõem aos riscos foram fundamentais para a decisão. Ela também agradeceu e pediu uma salva de palmas para os técnicos da agência que trabalhavam incansavelmente nos últimos dias para analisar todos os dados enviados pelos dois laboratórios.

O voto foi seguido pelos diretores Romison Mota e Alex Campos, que lembraram as dificuldades enfrentadas pelo país e pelo mundo no enfrentamento do coronavírus.

Com a maioria formada, os votos da diretora Cristiane Jourdan e do diretor-presidente Antonio Barra Torres foram mais sucintos, acompanhando integralmente a fala da relatora. Barra Torres lembrou, entretanto, que emergencial é o uso e não a autorização, que foi feita após análise criteriosa e minuciosa dos técnicos da agência.

“A Anvisa é hoje a única agência reguladora do mundo a analisar ao mesmo tempo dois protocolos vacinais de uso emergencial, e o fez em tempo recorde de nove dias. Um feito sem precedentes”, disse Barra Torres.

Com a decisão, a imunização pode começar assim que Fiocruz e Butantan sejam notificados oficialmente ou a partir da divulgação do resultado no site da Anvisa.

Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
16jan/210

Covid 19: Empresa protocola na Anvisa pedido de uso emergencial da vacina Sputnik V

Segunda União Química, vacina contra a covid-19 será produzida em Brasília e Guarulhos, com transferência de tecnologia

A empresa União Química informou hoje (16) que protocolou na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pedido para uso emergencial no Brasil da vacina Sputnik V, contra a covid-19.

O pedido, feito em conjunto com o Fundo de Investimentos Diretos da Rússia (RDIF), prevê a disponibilização de dez milhões de doses do imunizante neste primeiro trimestre do ano.

“A Sputnik V (…) será produzida em nossas fábricas de Brasília e de Guarulhos, através de acordo de transferência de tecnologia firmado entre a companhia e o RDIF”, afirmou a União Química, em comunicado.

Neste domingo, a diretoria da Anvisa deve se reunir para decidir sobre pedidos de aval para uso emergencial das vacinas contra covid-19 do Instituto Butantan e da Fiocruz, respectivamente a CoronaVac e a AstraZeneca-Oxford. (ABr) Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
16jan/210

Amazonas: Governador foi cobrado sobre o que foi feito com os R$ 8 bilhões e 50 toneladas de equipamentos

Wilson Lima se preocupou demais com o cargo e ignorou covid

Alvo de três operações da Polícia Federal (PF) e Controladoria-Geral da União (CGU), o governador do Amazonas, Wilson Lima, é acusado de ter se preocupado demais com a manutenção do cargo e ignorou a covid-19 que tem desolado o Estado. O deputado José Medeiros (Rep-MT) cobrou do governador o que foi feito com os R$ 2,8 bilhões entre transferências e gastos diretos do governo federal apenas para a capital Manaus. “Nem oxigênio compraram, não aumentaram leitos”, disse o parlamentar. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Apesar de recentes providências, incluindo o toque de recolher entre 19h e 6h, o governador do Amazonas tem sido responsabilizado pelo caos.

Além da forte oposição da Assembleia Legislativa, o governador Wilson Lima é alvo de investigação de corrupção pela Polícia Federal.

Bolsonaro diz ter feito sua parte: transferiu R$8 bilhões, 50 toneladas de materiais para montar hospital de campanha e leva cilindros de oxigênio.
Diário do poder
Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
16jan/210

Política: Robério Negreiros preocupado com a reeleição já começa a ampliar o seu grupo politico

Parlamentar do PSD vai adotar mais as ruas em 2021. Reeleição é o que pensa Robério

Brasília(DF), 21/07/2016 - Roberio Negreiros. CPI da saúde - CLDF. Foto: Rafaela Felicciano/Metrópoles

Em ano pré eleitoral aqueles que já tem histórico de mandato na Câmara Legislativa buscam o fortalecimento de suas bases para não passar a vergonha da derrota.

O deputado distrital Robério Negreiros vem buscando ampliar suas bases em cada canto do distrito federal e espera não correr o risco da eleição anterior quando teve uma queda substancial.

Entre aliados mais próximo o deputado distrital Robério Negreiros não esconde o incômodo quando o assunto é releição e já orientou seus coordenadores para cair em campo e ampliar cada vez mais o seu grupo político com vistas a 2022.

Afinal, seguro morreu de velho. E reeleição é sempre uma incógnita.

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
16jan/210

Brazlândia: Grilo e Edimar Pireneus podem fazer André Queiroz desistir de 2022

Grilo e Edimar Pireneus  esvaziam projeto de André Queiroz pensando em 2022

O cenário político com vistas as eleições de 2022 começa a tomar forma na pacata cidade de Brazlândia e os futuros adversários do parlamentar Iolando Almeida começam a se movimentar de forma pontual.

"Espero receber todos do grupo do André Queiroz. Vamos trabalhar para chegar 2022 com chances reais" - Grilo

O ex-candidato André Queiroz começa a perder fôlego e oxigênio político para aliados seus de um passado não muito distante. O ex-deputado Edimar Pirineus e o ex- administrador Grilo aliado de primeira hora do falecido Deputado distrital juarezão decidiram tomar de conta do grupo político de André Queiroz.

Aliados de André Queiroz já não desejam mais caminhar com ele e preferem acreditar em um projeto diferente e audacioso e grande parte daqueles que contribuíram na campanha de André Queiroz em 2018 agora estão aderindo de forma maciça a pré-candidatura de Grilo.

Em uma vertente mais conservadora Edimar Pireneus herda de forma natural ex-aliados de André Queiroz. Segundo apurou o blog do gbu o ex-deputado acredita que André Queiroz certamente deverá desistir de disputar as eleições de 2022, na avaliação do ex-parlamentar o projeto político de André Queiroz está extremamente desidratado em virtude do abandono dele nas questões políticas da cidade e do seu próprio grupo político na região.

Em resumo, Edimar Pireneus e Grilo adotaram o abandonado grupo de André Queiroz e já não escondem que fizeram o certo pensando em 2022.

Quem ver André Queiroz por aí por gentileza avisem a ele...

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
15jan/210

Arthur Lira condena ‘acotovelamentos’ de Maia com Bolsonaro, e prega força com harmonia

Candidato a presidente da Câmara criticou gestão de Rodrigo Maia como não democrática

 

Em campanha para presidente da Câmara dos Deputados em Natal, o deputado Arthur Lira (Progressistas-AL) defendeu, hoje (15), que o Brasil não pode ter um ano de 2021 com “acotovelamentos” entre o Congresso Nacional e o Palácio do Planalto. O comentário durante visita ao prefeito da capital potiguar, Álvaro Costa Dias (PSDB), foi uma crítica direta aos conflitos travados entre o atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o presidente da República Jair Bolsonaro, aliado de Arthur Lira.

“Não dá para ter um Brasil este ano com ‘acotovelamentos’. Há uma grave distorção da presidência atual do Legislativo sobre o que é independência. A Câmara precisa ser forte, independente, mas harmônica”, disse Lira.

O deputado federal alagoano também disse que falta democracia na gestão de Rodrigo Maia na Presidência do Legislativo Nacional.

“A nossa gestão na presidência da Câmara dos Deputados será a ‘gestão do nós’. Hoje o presidente diz ‘eu pauto, não pauto, eu faço, eu determino'”, condenou Arthur Lira.

O alagoano disputa o comando da Câmara dos Deputados, no pleito marcado para 1º de fevereiro, contra os deputados Baleia Rossi (MDB-SP), Capitão Augusto (PL-SP), André Janones (Avante-MG), Alexandre Frota (PSDB-SP), Fábio Ramalho (MDB-MG), Marcel van Hattem (Novo-RS) e Luíza Erundina (PSOL-SP).

‘Sem voz, nem vez’

No ato de campanha de Arthur Lira, o deputado Benes Leocádio (Republicanos-RN) afirmou que vê maiorias parlamentares “sem voz, nem vez”, no Congresso Nacional. O que reforçou os dados apresentados pelo deputado Arthur Lira, nesta semana, sobre os mais de 40 mil projetos de origem parlamentar engavetados na Câmara dos Deputados.

“Conheço as dificuldades de fazer as pautas andarem no Congresso Nacional. A gente confia que o deputado Arthur, por seu perfil, vá destravar as pautas dos parlamentares, com as votações às quintas-feiras pela manhã”, afirmou Leocádio.

A agenda de campanha de Arthur Lira foi prestigiada pelos deputados federais General Girão (PSL-RN), Benes Leocádio (Republicanos-RN), João Maia (PL-RN), e a deputada federal Carla Dickson (PROS-RN). Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn