18jun/200

MP prende Fabrício Queiroz, ex-assessor do atual senador Flávio Bolsonaro

Segundo promotores, ele estaria escondido em um sítio no município de Atibaia

O Ministério Público prendeu na manhã desta quinta-feira (18) o policial militar aposentado Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro. A prisão ocorreu em Atibaia, no interior de São Paulo.

Segundo policiais que participaram da ação, ele estava escondido na casa do caseiro de um sítio localizado no município que fica a 66 km da da capital paulista.

A operação foi realizada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro, com apoio de policiais e do Ministério Público de São Paulo, segundo informou o jornalista Pedro Campos, da Rádio Bandeirantes.

Fabrício Queiroz foi assessor na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro do então deputado estadual Flávio Bolsonaro, hoje senador. Ele é acusado de administrar um esquema conhecido como “rachadinha”, em que uma parte dos salários de casa funcionário comissionado é descontado para compor uma espécie de “fundo” usado para contratar informalmente mais assessores.
Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn