9maio/190

Ibaneis demite o diretor do Detran-DF e nomeia Alírio Neto em seu lugar

Alírio Neto, novo diretor do Detran-DF, foi deputado e delegado da Polícia Civil.

Fabrício se envolveu em noticiário negativo, na semana passada, quando vazou gravação de uma conversa de seu irmão Felipe pressionando um funcionário do órgão a mudar um parecer sobre uma licitação.

Ibaneis demitiu Fabrício ao perceber que sua condição de funcionário de carreira, como agente de trânsito, muitas vezes fez parecer uma atitude corporativista.

O novo governo “herdou” uma licitação do governo anterior para manutenção de semáforos, no valor anula de R$7 milhões (ou R$35 milhões ao final de cinco anos do prazo contratual), mas Fabrício decidiu cancelar o certame e iniciar processo de elaboração de uma nova licitação, mais ampla, destinada a renovar os semáforos e adotar tecnologias modernas de monitoramento e manutenção. Neste caso, a estimativa é que o valor do contrato pode chegar ao triplo do valor da concorrência suspensa.

 

 

Diáriodopoder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn