25maio/190

Política: Câmara Comunitária de Brazlândia será lançada com presença de autoridades internacionais

Embaixadora da República de El Salvador, Diana Marcela Vanegas

A comissão organizadora de lançamento da Câmara Comunitária de Brazlândia recebeu confirmações da presença de autoridades internacionais no evento.

Um dos líderes do movimento afirmou ao blogdogbu que a Embaixadora da República de El Salvador, Diana Marcela Vanegas, participará de fundação da Câmara Comunitária de Brazlândia.

Um dos convidados que também confirmou presença foi o Presidente da Câmara Comunitária do Noroeste, Antônio Neto. Vale lembrar que a região do Noroeste adotou esse modelo de atuação Comunitária e vem dando certo no trato junto as autoridades.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
25maio/190

Edimar Pireneus declara que Câmara Comunitária não é transparente

Ex-distrital é chamado para ser um parlamentar Comunitária de Brazlândia e deu um sonoro "NÃO" aos líderes do movimento Câmara Comunitária

A inesperada e polêmica criação de uma Câmara Comunitária na cidade de Brazlândia, vem dando o que falar.

O ex- distrital Edimar Pireneus usou as redes sociais para declarar que não aceitou compor a Câmara Comunitária de Brazlândia porque entendeu que não houve democracia na escolha de seus membros para a mesa diretora.

O ex- distrital concordou com o Presidente do Conselho Comunitário de Brazlândia, Moacir Ruthes, que intitulou a Câmara Comunitária em fase de criação, como sendo uma entidade pirata e sem representatividade.

Edimar Pireneus foi mais além em suas colocações, disse que não aceitou ser membro da Câmara Comunitária de Brazlândia por achar que se tratava de algo sem transparência; " Não aceitei participar porque não me foi passado os trâmites legais e transparentes. E não posso participar daquilo que não é democrático e que não tem a cara da democracia. Fui convidado mas não vou", declarou Pireneus nas redes sociais.

O blogdogbu falou com pelo menos dois membros do movimento. Um deles resolveu usar metáfora para definir os comentários de Edimar Pireneus; Ele é um Maverick que se acha um Camaro amarelo. Está na hora dele observar a nova política. Chega dos vícios e do tapinha nas costas", salientou.

O blogdogbu também falou com Mateus Moura, um dos idealizadores da proposta da Câmara Comunitária na cidade;" Está na hora de acabar com a teoria sem prática. Jogar pedra, reclamar e nada fazer pela a comunidade não vai chegar a lugar nenhum. A Câmara Comunitária não está sendo criada para apadrinhar ninguém", disse Mateus ao gbu sobre Edimar Pireneus.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
24maio/190

Política: Distrital tem licença para buscar projetos para pessoa com deficiência

O distrital Iolando Almeida deverá fazer uma visita para conhecer como funciona a gestão da Secretaria da Pessoa com deficiência na capital de São Paulo.

O futuro Secretário Iolando Almeida deseja trazer experiências inovadoras de gestão para serem aplicadas no DF. Vale lembrar que os custos da viagem serão bancados do próprio bolso do parlamentar. Na ocasião, o distrital estará na companhia de seu homem de confiança e chefe de gabinete, Samuel Sousa.

Publicação no diário oficial da CLDF

Já começou bem! Afinal são 600 mil pessoas a serem beneficiadas com os projetos da futura nova Secretaria.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
24maio/190

Entorno: Vereadores se juntam para revitalizar Escola Pública em Padre Bernardo

Os vereadores da região de Padre Bernardo; Thiago da Farmácia, Joseleide Lazaro e Dudu de Taboquinha decidiram se juntar por uma causa nobre e conseguiram a  revitalização da Escola Santa Barbara da Vendinha.

A postura dos parlamentares mostra a preocupação de ambos com a educação do município.

O mutirão de revitalização contou com a participação de alunos, professores e pais e amigos da comunidade.

O Vereador Thiago da Farmácia se mostrou feliz ao final dos trabalhos;"Obrigado a todos os envolvidos. A nossa Diretora Fabiana Soares por abrir as portas da escola para que podessemos dar a nossa parcela de contribuição", declarou TF.

 

Redação

 

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
24maio/190

Mães serão homenageadas em Brazlândia

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
24maio/190

Política: bastidores fala em escândalo a vista até o final do mês

Os bastidores da política de Brasília está a todo vapor. Comenta-se que muita gente decidiu viajar para não presenciar episódios que modem movimentar o cenário político do DF.

Vale lembrar que os episódios poderão ser escândalos na linguagem popular. Vamos esperar então!

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
24maio/190

Brazlândia: Câmara Comunitária já passa dos 60 parlamentares

A futura e nova Câmara Comunitária de Brazlândia vem dando o que falar entre as lideranças da cidade.

Segundo um dos líderes do movimento que falou com o blogdogbu, a proposta do número de parlamentares Comunitários já passa dos 60 membros catalogados.

A relação dos parlamentares comunitários está em fase de elaboração e poderá passar dos 100 nomes para compor o parlamento popular de Brazlândia.

No próximo domingo (26), todos os representantes serão condecorados e a mesa diretora provisória terá a missão de organizar o processo da criação do regimento interno da entidade, bem como realizar a eleição da nova mesa diretora.

 

Redação

 

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
24maio/190

Brazlândia: Moacir Ruthes chama de “pirata” a Câmara Comunitária em elaboração na cidade

O Presidente do Conselho Comunitário de Brazlândia, Moacir Ruthes, deu demonstrações claras de descontentamento com a possível criação de uma Câmara Comunitária dentro da cidade.

Segundo Moacir Ruthes, se trata de uma pirataria sem sentido e sem a representatividade legal, diferente, segundo ele do Conselho Comunitário que dispõe de sua legalidade especificada no Art° 10 da Lei orgânica do DF;"Essa Câmara Comunitária é pirata. Não representa nada, não diz nada, simplesmente não é nada", salientou Moacir Ruthes pela as redes sociais.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
24maio/190

Social: Edberg Lopes apoia a criação da Secretaria da Pessoa com Deficiência

Por Edberg Lopes

Será uma iniciativa inédita, a Secretaria da Pessoa com Deficiência. Caso seja aprovada na Câmara Legislativa, pode se tornar uma iniciativa que busca produzir, reunir, analisar e divulgar dados estatísticos e analíticos relativos à pessoa com deficiência residente no Distrito Federal e aos serviços e políticas públicas voltados à plena e efetiva inclusão dela na sociedade, com o objetivo de subsidiar o planejamento estratégico de políticas transversais e monitorar a realização progressiva dos direitos da pessoa com deficiência, de modo a se tornar um repositório de informação sobre este segmento.

Faz parte do desenvolvimento das atividades da Secretaria a implantação de sistemas e plataformas de tecnologia que permitam analisar, compilar e publicizar as análises e estudos produzidos – sempre partindo dos pressupostos de garantir acessibilidade digital e transparência.

A Secretaria da Pessoa com Deficiência podera ser uma iniciativa transversal que dialoga e troca com todas as áreas e pastas do governo do Distrito Federal, reunindo assim os mais diversos indicadores relativos à pessoa com deficiência, estabelecendo correlações entras as àreas e compreendendo a pessoa com deficiência em sua totalidade.

Missão

Promover o protagonismo da pessoa com deficiência e sua efetiva participação na sociedade.

Visão

Ser referência na concepção e execução de políticas públicas em prol da acessibilidade e dos direitos da pessoa com deficiência.

Valores

Valorização e respeito à diversidade humana;

Fortalecimento da atuação em rede para resolução de questões relativas às pessoas com deficiência e suas famílias;
Fomento ao espírito empreendedor, à ética, à transparência e à economicidade na gestão pública;

Nada sobre deficiência e acessibilidade sem a participação de pessoas com deficiência.

"Essas são as minhas visões. E independente de qualquer coisa, Eu sou a favor da Secretaria Da Pessoa Com Deficiência"!!

 

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
23maio/190

Órgãos públicos terão que divulgar gastos com energia e água

Os órgãos públicos, no âmbito do Distrito Federal, terão que divulgar mensalmente os gastos com energia e água. O Projeto de Lei nº 497/2015, que obriga a divulgação dos gastos, de autoria do deputado distrital, Robério Negreiros (PSD), foi aprovado nesta terça-feira, (21), pela Comissão de Economia, Orçamento e Finanças (CEOF), da Câmara Legislativa do Distrito Federal. O projeto ainda precisa ser analisado pela CCJ e Plenário, antes de seguir para sanção do governador.

De acordo com a proposta, as despesas deverão ser informadas nos sítios eletrônicos de cada órgão, acompanhadas de símbolo padrão de consumo de energia e água, com suas cores indicativas de consumo consciente, adequado, em alerta ou abusivo.

Segundo o deputado Robério, no cenário político atual, a transparência sobre os atos do poder público é ação que deve ser piamente incentivada e respeitada e a implantação do referido projeto trará um evidente impacto positivo de incentivo à adoção de ações que favoreçam a racionalização dos recursos naturais necessários ao funcionamento de toda a estrutura pública. "A medida acarretará, também, uma significativa redução de gastos referentes ao consumo de luz e água de todos os órgãos públicos”, declarou.

Cláudio Moreira

ASCOM - Deputado Robério Negreiros (PSD/DF)

Contato: (61) 98128.0221

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
23maio/190

Júlia Lucy: “Nova tabela de preços para abertura de empresas inviabiliza empreendedorismo no DF”

Deputada defende acordo antes de votação da proposta que transfere Junta Comercial para o DF

A transferência da Junta Comercial da União para o Distrito Federal que deveria ser motivo de comemorações tornou-se um problema, pois “o que poderia ser uma oportunidade de fomentar o empreendedorismo e trazer serviços de qualidade pode se transformar num gatilho para a informalidade e o estrangulamento de novas empresas”, afirma a Deputada Júlia Lucy (NOVO).

Embora seja uma demanda de longa data do setor produtivo local, o Projeto de Lei nº 214/2019, tem sofrido duras críticas, já que foi aprovada uma nova tabela de preços que reajustou desproporcionalmente as taxas cobradas pelo órgão, sem um prazo de transição para que os empreendedores se adaptassem.

Em alguns casos, como o da taxa para consórcios e grupos de sociedade em caso de cancelamento, o preço era de R$ 10. Esse valor pulou para R$ 545, ou seja, um aumento de 5.450%.  Em média, os custos cobrados aumentaram em mais de 800%.

Integrante da Comissão de Economia, Orçamento e Finanças (CEOF), a deputada Júlia Lucy (NOVO) afirmou que pretende se reunir com os Vogais da Junta Comercial (responsáveis pela aprovação da nova tabela de preços) na próxima segunda-feira (27). A ideia é, segundo ela, compreender os critérios utilizados para o reajuste e por que a nova tabela foi alterada. Além disso, a deputada acredita ser possível convencer os vogais a utilizar critérios técnicos que permitirão revisar a tabela com preços mais justos. “Sem isso, o empreendedorismo no Distrito Federal está ameaçado”, acredita a parlamentar.

“Nós temos todo o interesse em votar esse projeto de Lei e organizar a Junta Comercial aqui do DF da maneira mais eficiente possível. Mas nós não votaremos esse projeto enquanto esses preços não forem diminuídos”, assegurou Júlia Lucy. Ela relata que os empreendedores se queixam de que a tabela de preços estabelecida recentemente vai empurrar os negócios de Brasília para a informalidade. “Isso é a mesma coisa que dizer que o Distrito Federal não quer empreendedores. E não é esse o recado que temos que passar; temos é que favorecer a abertura de empresas e a formalização dos pequenos negócios”,disse.

O projeto de lei que transfere da União para o DF a Junta Comercial já foi aprovado pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS). A autarquia é responsável, entre outras atribuições, pelo registro de novas empresas e negócios.

Maiores informações:

Assessoria de imprensa da deputada Júlia Lucy-

Giselle Chassot

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
23maio/190

Política: Paula Belmonte demonstra compromisso ao votar manutenção do COAF com Sérgio Moro

Deputada Paula Belmonte não deseja que a sujeira vá para debaixo do tapete e decide votar respeitando a sociedade de bem

A proposta aprovada no Congresso Nacional onde difiniu a ida do COAF para a pasta da economia, foi, na avaliação de grande parte da sociedade brasileira uma demonstração de temor por parte da classe politica do órgão ficar sob o comando do Ministro Sérgio Moro.

No DF, a posição firme da Deputada Paula Belmonte em votar contra a corrupção e a manutenção do COAF no Ministério da Justiça, mostra que a parlamentar está no caminho certo. Pelo menos é o que acha a jornalista Sheylla Martins;" Fico feliz que a Deputada Paula Belmonte em seu primeiro mandato demonstre uma sintonia com a população e tenha votado contra a corrupção. O voto dela mostra seu sentimento de respeito pelo o Brasil", declarou ao blogdogbu.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn