8fev/190

Brazlândia: Deficiente não assumiu o cargo por falta de boa vontade dos gestores


A cidade de Brazlândia ficou estarrecida pelo o fato do deficiente visual Valdeci Marrero não ter assumido o cargo de ouvidor da administração da cidade.

Em um grupo de whatsApp da cidade de Brazlândia, o administrador regional Jesiel Costa alegou que a dificuldade de mobilidade de Valdevi Marrero até a administração teria sido o principal motivo da desistência do deficiente visual assumir o cargo.

Vale lembrar que Valdevi Marrero tem nível superior é funcionário público há mais de vinte anos e já exerce suas atividades no Parque de Serviços da cidade.

Se o chefe do executivo local fizesse a adequação e remanejasse a ouvidoria para o Parque de Serviços, o deficiente visual teria condições plenas para assumir o cargo. Mas não foi isso que aconteceu.

 

Redação

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
8fev/190

Política: Iolando Almeida poderá ter dois nomes na eleição para administrador

As movimentações para a eleição que definirá o nome do próximo administrador de Brazlândia deverá ter pelo menos dez candidatos e uma divisão jamais vista na pacata cidade.

O atual administrador regional de Brazlândia, Jesiel Costa, que teve o apoio popular para ocupar a principal cadeira da cidade, deverá concorrer para se manter onde está.

Padrinho dividido

O padrinho politico da cidade, o distrital Iolando Almeida, vem recebendo sugestões de aliados próximos a lançar pelo menos dois nomes de sua simpatia no processo eleitoral.

Na verdade, o distrital vem observando a desenvoltura do atual administrador. Segundo os bastidores, o parlamentar tem aprovado a forma de Jesiel Costa, embora venha gostando da idéia de lançar dois nomes nas eleições para o comando da cidade.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
8fev/190

Política: Célia do Hospital disputará eleições para administrar Brazlândia

A decisão do governador Ibaneis Rocha em realizar o processo popular de escolha dos administradores, deverá movimentar as regiões administrativas apartir de agora.

Em Brazlândia a coordenadora da campanha do governador, Celia do Hospital, deverá colocar seu nome a disposição no processo popular;" Quero disputar porque tenho um sonho em administrar minha cidade", disse uma entusiasmada Celia do Hospital.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn