11dez/200

Ministro da Saúde avisa em Goiânia que vacinação será federalizada

Pazuello garantiu que o plano de imunização "é nacional e nenhum estado da Federação será tratado de forma diferente"

Em visita a Goiânia, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, garantiu nesta sexta que o plano de imunização “é nacional” e nenhum estado da federação será tratado de forma diferente. “Nenhum brasileiro terá vantagem sobre outros brasileiros. Isso é um compromisso meu e do governo do presidente Jair Bolsonaro”, disse.

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, comemorou a decisão informada pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, de que o governo federal vai editar uma medida provisória para garantir a centralização na distribuição de todas as vacinas contra a covid-19, sejam elas importadas ou fabricadas em território nacional.

Segundo Caiado, que é médico, a proposta vai “tratar dessa centralização e distribuição igualitária das vacinas”. Dessa forma, nenhum estado será privilegiado por ser mais rico. “Nenhum estado vai fazer politicagem e escolher quem vai viver ou morrer de Covid”, disse Caiado, em clara referência a João Dória. “A produção do Butantan não é de São Paulo, a da Fio Cruz não é do Rio de Janeiro. A produção dessas vacinas é da União”, completou.

O anúncio irritou o governador de São Paulo, João Dória, que, em um rompante de egoísmo e completa falta de solidariedade, chegou a dizer que iria vacinar “todos os brasileiros de São Paulo”.

Mais cedo, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, demonstrou preocupação com o autoritarismo de Dória e disse que “devemos ter um plano nacional”. Segundo Zema, todas as campanhas de imunização, muito bem sucedidas foram coordenadas pelo Ministério da Saúde e a não adoção de um plano nacional “poderia significar tumulto”.

Contrariado, Dória resolveu agredir Caiado dizendo que ele adotou a “insanidade de Bolsonaro” e sem conseguir concatenar as ideias claramente. Para Dória, uma medida de distribuição igualitária das vacinas em todo o Brasil é uma forma de “negar a pandemia, promovendo a discórdia” e “abandonar o diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Mulher é brutalmente assassinada em Ceilândia

Suspeito foi preso em flagrante, enquanto desferia os golpes contra a vítima. Ele estava banhado de sangue e precisou ser contido a tiros

Maria Jaqueline de Souza, vítima de feminicídioMATERIAL CEDIDO AO METRÓPOLES

Uma mulher de 34 anos foi brutalmente assassinada na madrugada desta sexta-feira (11/12) em Ceilândia. O crime ocorreu na casa do acusado, Ricardo Silva Souza, 35 anos, na Chácara 151 do Trecho 1, no Sol Nascente, atrás da Fundação Bradesco. Vizinhos acionaram a polícia após ouvirem pedido de socorro da vítima.

Informações preliminares dão conta de que um homem, em surto, deu diversas facadas na vítima. A mulher foi identificada como Maria Jaqueline de Souza. O nome do suspeito de ter cometido o crime não havia sido divulgado até a última atualização desta reportagem.

Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi acionada e, quando chegou ao local, encontrou o suspeito banhado de sangue, ainda esfaqueando a mulher. Ele dizia frases desconexas e citava o nome de Deus enquanto golpeava a vítima.

Os militares teriam efetuado dois disparos de arma de fogo para conter o acusado. Levado ao Hospital Regional de Ceilândia (HRC), o homem ainda não foi ouvido formalmente. A Delegacia de Atendimento à Mulher de Ceilândia (Deam 2) investiga o caso.

Segundo informações da Polícia Civil do DF (PCDF), autor e vítima estavam, aparentemente, iniciando um relacionamento. Metrópoles

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Maguito Vilela, prefeito de Goiânia, passa por cirurgia para controlar sangramento

Prefeito de Goiânia apresentou sangramento pulmonar, médicos dizem que quadro de saúde apresentou piora

O prefeito eleito de Goiânia, Maguito Vilela (MDB), apresentou um sangramento pulmonar e precisou passar por cirurgia na madrugada desta sexta-feira (11). O política está internado no Hospital Albert Einstein desde 27 de outubro para tratar complicações da Covid-19.

Segundo boletim divulgado pelo hospital, Maguito apresentou “nova instabilidade hemodinâmica” após o sangramento na noite de ontem (10), sendo encaminhado à cirurgia horas após o detectado o problema.

Maguito foi diagnosticado com Covid-19 em 20 de outubro, sendo internado em Goiânia dois dias depois. No dia 27 do mesmo mês, foi detectada uma inflamação que comprometia 75% dos pulmões. Na data, ele foi transferido para São Paulo, onde três dias após a internação, foi entubado pela primeira vez.

No dia 8 de novembro, o prefeito voltou a respirar sem o aparelho, mas apresentou uma recaída no dia 15, quando voltou à ventilação mecânica. No último dia 3, ele teve diagnóstico negativado para o coronavírus e foi transferido a um leito comum de UTI.

Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Fabricante da Coronavac admite ainda não ter dados sobre eficácia da vacina

Dado inicial mostra que 97% apresentam produção de anticorpos, mas não que os 97% estariam imunes à covid

O governador paulista João Doria tem feito forte pressão para vender ao Ministério da Saúde a vacina do laboratório chinês Sinovac, por meio do instituto Butantan, alegando inclusive sua “eficácia”.

Mas Doria poderia solicitar explicações ao dono do laboratório Sinovac, Yin Weidong, cuja empresa admitiu à agência de notícias Bloomberg não dispor de dados sobre a eficácia da vacina, rebatizada no Brasil de “Coronavac”.

O laboratório chinês prevê para janeiro a divulgação desses resultados. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O laboratório estatal da Indonésia PT Bio Farma anunciou que seus testes revelaram “eficácia” de 97% da Coronavac, mas voltou atrás.

O PT Bio Farma teve de se desdizer, após o parceiro Sinovac anunciar que também não tem resultados sobre a eficácia da vacina que produz. Diário do poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Governador joga pra platéia fazendo lobby para vacina

Wellington Dias (PI) pediu que Anvisa libere uso emergencial de vacina, mas nenhum laboratório apresentou pedido à agência

 

 

 

 

Dizendo representar outros governadores, o piauiense Wellington Dias (PT) jogou para a plateia, no lobby pela vacina da Pfizer, pressionando a Anvisa a autorizar seu uso emergencial. A jogada foi prontamente desmascarada. Além de listar os requisitos para obtenção da autorização, a agência reguladora foi explícita quanto a quem cabe formular o pedido: às empresas.

A Anvisa também explicou que nenhum dos laboratórios fez pedido e qualquer autorização emergencial só será feita diante de um pedido dos responsáveis pelos estudos clínicos. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Câmara Legislativa do DF aprova orçamento de R$ 44,18 bilhões para 2021

O texto do projeto de lei nº 1.417/2020 foi aprovado por unanimidade e vai à apreciação do governador

CLDFMYKE SENA/ ESPECIAL PARA O METRÓPOLES

Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) aprovou, na noite dessa quinta-feira (10/12), o orçamento para o exercício financeiro de 2021. O montante ficou estipulado em R$ 44,18 bilhões. Desses, R$ 28,41 bi são de receita própria e R$ 15,77 bilhões oriundos do Fundo Constitucional (FCDF).

O texto, do projeto de lei nº 1.417/2020, foi aprovado por unanimidade e vai à apreciação do governador Ibaneis Rocha, que deve sancionar o orçamento.

Depois de uma noite agitada na CLDF, com a aprovação de diversos projetos, o presidente da Casa, Rafael Prudente (MDB), disse que será feita uma análise de outros 20 novos projetos encaminhados pelo GDF ao legislativo. A ideia é identificar o que é, de fato, imprescindível para este ano.

De acordo com o projeto, a receita aprovada para 2021 está dividida em R$ 26,90 bilhões dos orçamentos Fiscal e de Seguridade Social e R$ 1,51 bilhão do orçamento de Investimentos. Na justificativa do projeto, o governo disse que, já considerando o impacto da pandemia do Covid-19 na economia, estima-se um aumento de arrecadação da ordem de R$ 736,40 milhões.

“Foram envidados todos os esforços no sentido de promover a checagem, análise e correções de todos os dados apresentados, e de promover o processamento de todas as emendas e subemendas oferecidas a este projeto”, disse o relator do projeto e presidente da Comissão de Economia, Orçamento e Finanças, deputado Agaciel Maia (PL).

Receita total do DF
Fiscal: R$ 17,90 bilhões
Seguridade social: R$ 8,99 bilhões
Investimento das empresas estatais: R$ 1,51 bilhão
Total: R$ 28,41 bilhões

Recursos do FCDF
Segurança pública: R$ 8,34 bilhões
Saúde: R$ 4,08 bilhões
Educação: R$ 3,34 bilhões
Total: R$ 15,77 bilhões

Metropoles

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Esporte: Secretária interina do esporte é de Brazlândia

A exoneração temporária da Secretária dos esportes Celina Leão para votações importantes no parlamento federal, trouxe para o comando da pasta a jovem e competente Giselle Ferreira de Oliveira, secretária executiva de políticas do Esporte.

A nova Secretária dos esportes é de Brazlândia e é filha do saudoso e inesquecível Gilberto Roda D'água que nos deixou vítima de câncer.

Procurada pelo o blogdogbu a mais nova Secretária dos esportes do DF, Giselle Ferreira, declarou que está na missão;"Estou cumprindo nossos desafios e missões! Deus no comando sempre!", declarou, Giselle.

A exoneração de Celina Leão e a nomeação de Giselle Ferreira foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), desta sexta-feira (11/12).

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Celina Leão é exonerada da Secretaria de Esporte e Lazer do DF

A parlamentar reassume mandato para votar orçamento e a presidência da Câmara dos Deputados. Secretária executiva responderá interinamente

ACACIO PINHEIRO/AGÊNCIA BRASÍLIA.
Metropoles

A secretária de Esporte e Lazer do Distrito Federal, Celina Leão, foi exonerada da pasta, a pedido, na manhã desta sexta-feira (11/12). A parlamentar reassume o mandato como deputada federal para votar o orçamento e a presidência da Câmara dos Deputados.

Celina foi nomeada como chefe da secretaria, em maio deste ano. Giselle Ferreira de Oliveira, secretária executiva de políticas do Esporte, responderá interinamente pelo cargo.

A exoneração foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), desta sexta-feira (11/12).

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
11dez/200

Brazlândia: Robério terá Coordenador da própria cidade em 2022

O processo político ainda está distante. Falta dois anos para as eleições de 2022, mas algumas decisões já estão sendo tomadas de forma antecipada.

O distrital Robério Negreiros (PSD) deverá ter uma Coordenação política em Brazlândia da própria cidade, diferente de eleições anteriores.

O jovem Elton Deley terá a missão de comandar o grupo de Robério Negreiros dentro da pacata cidade em 2022 e mostrar que tem capacidade de fazer o deputado realizar algo para Brazlândia nos próximos dois anos.

Afinal, construir um resultado eleitoral para Robério Negreiros em Brazlândia não será nada fácil.

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn