22abr/190

Mudanças na reforma não devem mexer em impacto de R$ 1 tri, diz secretário

O secretário de Previdência, Rogério Marinho, prevê que alterações na CCJ não irão alterar a ‘espinha dorsal’ da proposta. Governo quer votação na terça

Marinho afirma que está negociando com deputados pelo celular, já que muitos não estão em Brasília devido a volta do feriado de Páscoa (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O secretário da Previdência, Rogério Marinho, afirmou nesta segunda-feira, 22, que o governo trabalha com deputados na alteração do texto da reforma da Previdência para que o parecer de admissibilidade seja votado na terça-feira, 23.

O secretário não citou quais pontos seriam modificados, mas afirmou que a economia fiscal deve ser mantida em cerca de 1 trilhão de reais em dez anos – mesmo com as mudanças que estão sendo tratadas com líderes do centrão.

Estamos tratando do tema com os líderes que nos procuraram para trazer algumas sugestões. É possível algumas modificações, mas, como eu já disse anteriormente, não haverá impacto fiscal e nem se mexerá na espinha dorsal do projeto no que tange à questão previdenciária”, declarou Marinho a jornalistas.

De acordo com o secretário, não há reunião agendada para essa segunda-feira para tratar nas alterações do texto, já que muitos deputados não estão em Brasília. “Só posso falar no projeto no momento em que o acordo for fechado. Vários deputados estão retornando do feriado de Páscoa, e a gente está fazendo o que a legislação trabalhista permite, o teletrabalho”, disse.

Apesar da ausência de uma reunião presencial, Marinho afirmou que o governo prevê a votação para terça-feira e que os detalhes serão acertados para que o texto possa ser apreciado.

Amanhã haverá a votação. É a informação que eu tenho dos líderes e do próprio presidente da CCJ, do presidente [da Câmara] Rodrigo Maia e daqueles que fazem parte da comissão. A maior parte dos partidos que estão alinhados com a pauta está convencida da necessidade de ultrapassarmos essa etapa, até porque nós iremos discutir o mérito na comissão especial”.

Na última quarta-feira, o líder do PP na Câmara, Arthur Lira (AL), disse, após reunião com Marinho, que teriam saído do texto o fim da multa do FGTS para aposentado que ainda trabalha e for demitido; a exclusividade da Justiça Federal do Distrito Federal para julgar processos contra a União em relação à reforma; a alteração da idade para aposentadoria compulsória de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF); e a condição para que só o Executivo faça mudanças no sistema previdenciário.

Outros pontos do projeto que geram muito ruído entre os deputados são mudanças na aposentadoria rural, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e capitalização. Esses temas, porém, devem ser negociados na comissão especial.

Fonte: Veja

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
22abr/190

Santa Maria: Saindo da lua de mel, com Radar na cola

Os embates políticos com vistas a 2022 já começaram pelo os lados de Santa Maria. O segundo colocado nas eleições distritais na região, Daniel Radar, anda como uma "metralhadora giratória" para cima da distrital Jaqueline Silva.

O chamado período de "lua de mel" da distrital com uma boa parte dos moradores da cidade, parece que chegou ao fim.

Com fortes críticas sobre a novata deputada distrital, Daniel Radar, começa a ganhar adeptos e deverá disputar com Jaqueline Silva em 2022 o domínio eleitoral da importante cidade de Santa Maria.

Vale lembrar que já tem gente ligados a distrital se debandeando para o barco radazista.

 

Redação

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
22abr/190

Ação Social chegará a Vila Cauhy

Moradores da Vila Cauhy recebem ação social neste sábado (27)

Vila Cauhy

A Administração Regional do Núcleo Bandeirante em parceria com o Circo Teatro Artetude, Policia Militar, Corpo de Bombeiros, Detran, Aeronáutica e Instituto Embelleze estarão promovendo neste sábado dia 27 de abril uma Ação Social de caráter comunitário. O evento será realizado na Praça da Vila Cauhy a partir das 13h.

O objetivo dessa ação é mobilizar a população local, para participar e conhecer os serviços públicos de garantia dos direitos sociais prestados em favor da comunidade local, e proporcionar práticas culturais, recreativas, além de representar um mecanismo importante de ampliação da cidadania e coletividade.

Na programação do evento estão previstas as seguintes ações:

Espaço das Crianças: Circo Teatro Artetude, palestra com Ryan Maia, brinquedos infláveis, sorteios de brindes, refrigerante, cachorro quente, pipoca, algodão doce e dindim.

Serviços: Amigos da Visão, corte de cabelo, atendimento jurídico, ouvidoria e artesanato.

O Corpo de Bombeiros estará presente com várias ações. Haverá a presença do Batalhão de Policia de Cães, Projeto Lobo Guará, Teatro do Detran, ações sociais da Aeronáutica, aulas de lutas e apresentações musicais.

Haverá a inauguração do portal de entrada da Vila Cauhy e todas as atividades são gratuitas.

Serviço:

Ação Social na Vila Cauhy

Data: Sábado | 27 de abril

Horário: a partir das 13h

Local: Praça da Vila Cauhy

 

Fonte: Conectado ao poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
22abr/190

Em debate a defesa das mulheres

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn