18dez/170

TSE APROVA REGRAS PARA AS ELEIÇÕES DE 2018 E MIRA COMBATE A FAKE NEWS

ENTRE OS TEMAS, GASTOS DE CAMPANHA E REMOÇÃO DE CONTEÚDO NA INTERNET

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18dez/170

ADMINISTRAÇÃO REGIONAL TRAZ PARA O PARANOÁ CARAVANA CULTURAL

A Administração Regional do Paranoá traz para a cidade o projeto “CARAVANA CULTURAL” que consiste em uma proposta de promoção à cultura e tem como o objetivo capacitar em diversas áreas de tecnologia digital jovens e adultos residentes em nossa cidade, com a faixa etária de idade dos 12 aos 29 anos.

No dia 26 de dezembro de 2017 a “CARAVANA CULTURAL” estaciona na quadra 04 conjunto 01 lote 06 do Paranoá Parque para produzir em cinco dias de trabalho junto à comunidade local, programas de televisão em plataforma WEB para registro e divulgação das diversas manifestações culturais do DF e ainda mais: sensibilizar jovens e adultos para a inserção ao mercado de trabalho nas seguintes áreas de tecnologia digital onde o projeto irá ofertar oficinas de aprendizagem. São elas: inclusão digital, oficina de multimídia, produção audiovisual, criação de reportagem, edição de vídeo, captação e edição de imagem, oficina de comunicação web e redes sociais e oficina de fotografia digital.

Revelar um youtuber, uma blogueira e até mesmo músicos e artistas para o mercado nacional a partir de um vídeo publicado na web é uma realidade em que a juventude mundial vislumbra. Esta possibilidade será o ponto de partida do projeto “CARAVANA CULTURAL”.

E ainda, estarão envolvidos com a programação da caravana, artistas locais que poderão usufruir do serviço de gravação de cds demo e produção de videoclipes. Também haverá apresentações artísticas para o público local que será ainda convidado para exibições de filmes e exposições de fotos.

A “CARAVANA CULTURAL” é uma carreta equipada e adaptada, com salas climatizadas, com estúdios de gravação para produção de áudio e vídeo, painel de Led, para exibições dos filmes e equipamentos de som, luz, palco e gerador, para as apresentações artísticas. Em apoio à carreta também serão instaladas tendas piramidais, banheiros químicos e demais estruturas para conforto e segurança dos profissionais envolvidos e público presente.

Para a realização com pleno sucesso, muita informação on-line e acesso das comunidades menos favorecidas às tecnologias digitais dessa ação cultural contamos com o apoio do Deputado Cristiano Araújo, da Administração do Paranoá e do Governo de Brasília.

O projeto acontecerá entre os dias 26 e 30 de dezembro, na quadra 04, conjunto 01, lote 06 do Paranoá Parque. Diariamente das 08h às 18h.

A Caravana Cultural contará com:
• Oficinas Multimídia: Produção de Blogs, Sites e mídias digitais;
• Oficinas de Produção de Audiovisual;
• Oficinas de Desenvolvimento de Aplicativos;
• Oficinas de Criação e Reportagens nas comunidades;
• Oficina de produção e edição de vídeos;
• Oficinas de captação de imagens e edição (Filmagem);
• Oficinas de Fotografia;
• Gravação/Edição/Produção final;
• Eibição de filme, curta e documentário.
Também contará com apresentações artísticas das cidades (grupos de capoeira, batalha das academias, grupos de dança e shows musicais).
Para participar o cidadão deve fazer sua pré-inscrição pela internet até o dia 22 ou até o término das vagas.
Inscrições no seguinte link

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScWGV-JhqnPO5CZtWmRTwjTWc9aMiODQbJuJvuXVICYla-l1A/viewform

 

 

fonte: Adm. Regional do Paranoá

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18dez/170

Jarjour assume nova pasta no GDF e Taguatinga ganha administradora

Mudanças foram publicadas no Diário Oficial do DF desta segunda-feira e beneficiam o Pros

Reprodução/Facebook

REPRODUÇÃO/FACEBOOK

O Diário Oficial do DF trouxe, nesta segunda-feira (18/12), mais um pacote de mudanças no comando de pastas importantes do governo local, após a debandada de siglas aliadas, como Rede, PDT e PPS, da gestão de Rodrigo Rollemberg (PSB). Conforme antecipou o Metrópoles, Thiago Jarjour (sem partido), ex-secretário adjunto de Trabalho, assume a Secretaria Adjunta de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti). Em Taguatinga, uma mulher passa a comandar a cidade pela primeira vez.

Jarjour ocupa a vaga de Tiago Araújo Coelho de Souza, presidente do PSB local, nomeado diretor vice-presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF).

A movimentação ocorre para alocar integrantes do Pros e aumentar o apoio da legenda ao governador. Com a saída de Jarjour, as portas da secretaria adjunta do Trabalho ficaram abertas para que o deputado federal Ronaldo Fonseca (Pros) alocasse Wagner Rodrigues de Sousa. Assim, Rollemberg mantém o aliado e ainda ganha apoio de parte da Igreja Evangélica na corrida à reeleição ao Buriti em 2018.

Ex-secretário de Trabalho de Agnelo Queiroz (PT), Sousa consta na lista de doadores da campanha de Ronaldo Fonseca em 2014, quando destinou ao então candidato a quantia de R$ 9,8 mil.

O Pros também é responsável por outra alteração publicada nesta segunda: a advogada Karolyne Guimarães (foto de destaque) assume o comando da Administração Regional de Taguatinga. Secretária-geral da Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) na cidade, ela substitui Marlon Costa.

Karolyne será a primeira mulher a administrar Taguatinga em 59 anos. Marlon Costa, por sua vez, foi remanejado para a vaga de subsecretário de Mobiliário Urbano e Participação Social da Secretaria das Cidades.

No mês passado, Marlon fez uma festa de arromba para comemorar o seu aniversário de 36 anos. Com direito a painéis e banner, no qual estavam estampados o nome e o sobrenome do político, 1,6 mil pessoas, entre apoiadores e membros do seu partido, o PSB, participaram da comemoração, que teve atração musical e discurso. Rollemberg marcou presença no evento, que ocorreu em uma casa de shows às margens da EPNB.

Reprodução/DODF

REPRODUÇÃO/DODF

Memória


Thiago Jarjour deixou recentemente o PDT para se manter no governo de Rodrigo Rollemberg. Em 10 de outubro, quando a legenda decidiu desembarcar da base aliada, o chefe do Executivo anunciou que demitiria todas as pessoas vinculadas à agremiação. Porém, convidou Jarjour para permanecer sob o seu comando.

Com a necessidade de apoio para 2018, Rollemberg decidiu mudar as peças no tabuleiro. Escolheu Jarjour para chefiar a Secti pela proximidade do secretário adjunto com o tema. Jarjour foi o responsável por negociar a chegada da primeira Campus Party de Brasília, em 2017.

À frente dos trabalhos do maior festival de inovação e tecnologia do mundo, levou para o Centro de Convenções Ulysses Guimarães cerca de 65 mil pessoas. A Campus Party 2018 está confirmada e deve ficar sob a gestão da Secretaria de Ciência e Tecnologia. Metropóles.

 

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18dez/170

Desconstruindo a desconstrução

O ex-deputado Júnior Brunelli, amigo pessoal  da empresária Eliana Pedrosa, tem dedicado boa parte de seu tempo visitando amigos para pedir apoio à candidatura dela ao Palácio do Buriti. Ele tem aproveitado também as visitas para difundir a ideia de que o delegado e ex-deputado Alírio Neto será mesmo candidato a deputado federal. Mas o plano de Eliana de chegar ao Buriti em cima de boatos não está dando certo.

A última pesquisa mostra um crescimento imenso de Alírio, que continua sendo pré-candidato a governador do Distrito Federal pelo PTB, e ao contrário do que foi plantado recentemente na mídia, não é nem será fantoche de ninguém. Quem conhece bem de perto o delegado,  sabe que ele tem personalidade própria.

Fonte: Donny Silva

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18dez/170

PMDB-DF não sabe quem será o candidato a governador: A noiva está rachada

Foto: Reprodução

PMDB é um partido cobiçado pelo tempo de TV e o valor do fundo partidário, mas não anda bem das pernas em nível nacional, muito menos no DF. Segundo pesquisa publicada no site Metrópoles, Michel Temer é o último candidato presidenciável com 0,35% de intenção de votos no DF, o que reflete também no PMDB-DF, que não vive um momento de glória, mas sim de pesadelo após a prisão do líder Filippelli na Operação Lava Jato.

Com todos os contras possíveis, a noiva peemedebista está completamente desalinhada em seus discursos. Surgiu do nada o advogado Ibaneis, do nada politicamente, mas arrotando muitos recursos financeiros. Com a estabilidade do governo Temer (conseguida com acordos políticos), o quadro mudou: cabeças na Polícia Federal mudaram, e Filippelli se acha em um momento mais favorável para ser candidato a governador.

Filippelli fez discurso fora de linha em um churrasco, disse que contou plaquinhas e tinha certeza absoluta da indicação do Dr. Ibaneis como candidato do PMDB-DF. Mas a felicidade do Dr. durou pouco. Em evento no Jardim Botânico, no famoso debate Senadinho, Filippelli disse que está preparado para ser candidato a Governador e fez um discurso que não assina a sua realidade após a prisão pelo desvio e superfaturamento no Mané Garrincha, “podemos fazer um governo honesto”, disse Filippelli.

Em crise e com o crescimento da TV aberta, das redes sociais e todas as suas ferramentas virtuais, a noiva rachada do PMDB não é a bola da vez. Não há dinheiro e nem tempo de TV que sustentem um partido desgastado pela corrupção no cenário local e nacional.

 

Fonte: Cris Oliveira

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18dez/170

LULA É MULTADO E TEM EMBARGADA OBRA EM SEU SÍTIO DE SÃO BERNARDO

ÁREA DE 20 MIL M² FOI COMPRADA POR ELE EM 2016 POR R$545 MIL

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
17dez/170

PTB QUER HILDO DO CANDANGO VICE DE JOSÉ ELITON

Hildo do Candango retorna ao PTB

 

Liderança do PTB defende o nome do Hildo do Candango para composição na majoritária  de José Eliton.

 

Na manhã deste sábado (16), o prefeito de Águas Lindas de Goiás,  Hildo do Candango participou do 19º Encontro Regional do PTB, que aconteceu na Câmara de Vereadores de Águas Lindas. O evento contou com a presença do presidente do partido o deputado federal Jovair Arantes, e do vice-presidente petebista Demóstenes Torres.

O assunto do encontro foi a composição da chapa majoritária ao Governo de Goiás, com o nome de Hildo do Candango, que  estava no PSDB, partido do governador Marconi Perillo, e retornará ao PTB, partido que o elegeu prefeito pela primeira vez.

O deputado Jovair Arantes afirmou que Hildo do Candango é o nome preparado para ocupar a vice-governadoria ao lado de José Eliton, na chapa majoritário. “Hildo é um homem honrado, de caráter. Ele tem palavra, e é por isso que já conquistou tanto. Precisamos dele. O nosso candidato a vice-governador é Hildo do Candango. Hildo representa 800 mil eleitores da Região do Entorno”, defendeu o presidente.

O vice-presidente do PTB, Demóstenes Torres afirmou que a chapa do governo precisa do PTB. “Águas Lindas é a solução do Distrito Federal, e o Brasil seria melhor se fosse uma Águas Lindas, pois esta cidade evoluiu muito depois da gestão de Hildo. E é por isso que queremos Hildo no governo de Goiás, ele tem muito para contribuir”.

A prefeita de Bela Vista de Goiás e presidente do PTB Mulher Nárcia Kelly, afirmou que Águas Lindas é a bola da vez. “Hildo fez muito por esta cidade, e seu nome é citado não apenas na Região do Entorno, mas em todo estado de Goiás. E é por isso que Hildo é o nome para representar o PTB na chapa a governadoria”, defendeu.

Já o prefeito de Itumbiara, José Antônio, o nome de Hildo é o mais preparado para compor a chapa. “Conheço Hildo e sua família há algum tempo, e os admiro muito por tudo que estão construindo não apenas em Águas Lindas mas em toda região. Ele tem o meu apoio”, concluiu.

Hildo do Candango assinou a sua filiação ao partido e agora trabalha para que seu nome seja o indicado para compor a chapa ao Governo de Goiás. “Chegou a vez do PTB, e chegou porque o Jovair preparou o caminho. E nós vamos continuar contribuindo para a construção de um partido forte. Fico muito feliz pela minha recondução ao partido”, agradeceu Hildo.

Estiveram presentes o deputado estadual Henrique Arantes, o deputado distrital Juarezão, o prefeito de Itumbiara, a primeira-dama de Águas Lindas e presidente do Coegemas Aleandra Sousa, Zé Antônio, prefeita de Bela Vista de Goiás e presidente do PTB Mulher Nárcia Kelly prefeito de Cocalzinho Alair Gonçalves, o vice-prefeito de Águas Lindas Luiz Alberto Jiribita, o presidente do PTB Águas Lindas o vereador Vicente Manoel, vereadores e lideranças políticas de todo estado.

Fonte: Assessoria de Hildo do Candango

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
17dez/170

MEGA-SENA ACUMULA E DEVE PAGAR MAIS DE R$ 43 MILHÕES NA TERÇA-FEIRA

OS NÚMEROS SORTEADOS FORAM 01 - 07 - 14 - 31 - 35 - 46

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
16dez/170

Politica:Desconstruindo Candidaturas: Alírio Neto

Dando continuidade a serie: Desconstruindo Candidaturas. Iremos falar do ex-deputado distrital, delegado aposentado da Polícia Civil do DF e presidente do PTB-DF Alírio Neto.

Nas eleições de 2014 Alírio não conseguiu se eleger deputado federal apesar dos 78.945 votos. Isso o deixou na masmorra da política e longe dos holofotes. Aí veio a presidência do PTB e a possibilidade de concorrer ao Palácio do Buriti e de forma inesperada entrou no cenário e figurou no radar das articulações.

Alírio é um cigano da política já foi filiado no:  PPS, PEN e agora PTB além de ter apoiado Roriz, Arruda e Agnelo. Só com Rollemberg não deu onda. Na ciranda do poder a roda sempre gira para o seu lado.

Hoje Alírio tem a sua candidatura ao Palácio do Buriti travada pelo ex-governador José Roberto Arruda que prometeu o céu e a terra a ele, mas no fundo o joga na incerteza. Dá a impressão que o ex-governador está cozinhando o delegado em banho maria para depois dar aquela rasteira típica do "modo careca" de se fazer política.

Nos bastidores dizem que Alírio só faz o que Arruda quer. Todos sabem que o "careca" tem a esperança de obter um perdão judicial para ele mesmo ser o candidato. Quem não sabe que Arruda quer ser candidato em 2018? Fora que o ex-governador cisca para todo lado e assim trava Alírio. Hoje o ex-deputado não passa de um stand-bye.

Nos bastidores todos dizem que o ex-deputado não dá nenhum passo sem que Arruda saiba e essa informação é recebida todos os dias. O sonho dos dirigentes partidários transvestidos de amigos é que Alírio saia a federal e assim terem chances de compor sem ele. Os mais traíras dizem que ele está se cacifando para tentar uma vaga de vice ou algo do tipo. É a pura realidade.

A verdade é que Alírio Neto está travado entre dois mentores: Roberto Jéferson presidente do PTB nacional e José Roberto Arruda que não é um político confiável e cheio de soberba.  Arruda não dá bençãos a ninguém de graça.

Para quem está de fora observando tudo o que dá a entender e a falta de luz própria. Nesse jogo só subir nas pesquisas não é o suficiente quando se carrega um fardo chamado Arruda.

Os passos de Arruda e Bob Jefferson podem fazer Alírio tropeçar antes mesmo de entrar na corrida. Sem contar que Filippelli, Fraga e Ibaneis o querem vê-lo pelas costas. Se as mesas de restaurantes falassem muita coisa viria a tona.

Resumo: 

1 - Alírio Neto está com pecha de ser mandado por Arruda.

2 - Arruda mais atrapalha que ajuda.

3 - Atuação tímida e passiva nos bastidores

4 - O grupo da direita não o vê como cabeça de chapa e preparam para dar uma rasteira.

5 - Seus "parceiros" de partido se acham muito maiores que ele e não admitem que o mesmo seja cabeça de chapa. Exemplos: Fraga e Filippelli.

6 - Seus "aliados" estão mais de olho no PTB no que confiando em Alírio em si.

7- Muitos acham que Alírio deveria trabalhar para ser vice de Frejat

8 - A nominata a federal e até a mesmo distrital do PTB-DF precisa ser reforçada

Na próxima matéria iremos analisar a candidatura de Tadeu Filippelli (PMDB)

Fonte: Blogdoodir
Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
15dez/170

“Nunca vi o orçamento ser amputado pela CLDF”, diz Rollemberg

Dênio Simões/Agência Brasília

DÊNIO SIMÕES/AGÊNCIA BRASÍLIA

 Em agenda nesta sexta (15/12), o governador comentou a rejeição pela Câmara de emenda que permite aplicação de R$ 1,2 bi do Iprev em obras

A declaração é bem mais amena do que a nota divulgada pelo GDF na quinta (14). Um dia após a Câmara rejeitar a proposta, o Buriti se manifestou sobre a decisão: “É um grave equívoco político e administrativo, e prejudicará diretamente a população, que perderá qualidade no atendimento dos serviços públicos”. Para o Executivo, a medida tem “desejos eleitorais inconfessáveis”.

Câmara Legislativa não gostou do tom e reagiu na noite de quinta-feira. Também por meio de nota, chamou o governo de “mentiroso” e ainda pontuou que a gestão Rollemberg agiu de forma “leviana” ao dizer que a decisão da Casa prejudicaria a população do DF.

Na manhã desta sexta, Rollemberg disse que, sem poder lançar mão de R$ 1,2 bilhão da previdência do servidor, não poderá contratar “milhares de servidores da saúde e abrir centenas de leitos que estão fechados”. “Não poderemos fazer isso se a Câmara Legislativa não retomar a votação da proposta original tão importante para a nossa cidade”, destacou o socialista.

A proposta do Executivo previa, inicialmente, o remanejamento de R$ 10 milhões para casamentos comunitários. Depois de reportagem publicada pelo Metrópoles, essa emenda foi retirada.

Orla

A declaração do governador foi feita depois do lançamento do projeto para a revitalização da orla do Lago Paranoá. O valor do contrato está estimado em R$ 2,5 milhões.

O edital do concurso para o projeto que revitalizará toda a orla do Lago foi assinado pelo governador  e pela equipe da Secretaria de Gestão do Território e Habitação, responsável pela elaboração do certame.

Os concorrentes deverão elaborar projetos arquitetônicos, urbanísticos e paisagísticos que indiquem usos, atividades e configuração do espaço à margem do reservatório. As inscrições on-line, que são gratuitas, serão abertas na segunda-feira (18) e se estenderão até 23 de fevereiro. Metropóles

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
15dez/170

Temer vai participar do Programa Silvio Santos para tentar se popularizar

Temer vai participar do Programa Silvio Santos para tentar se popularizar

De acordo com o Palácio do Planalto, o convite partiu do apresentador. / Tribuna da Internet - Foto: thedawn-news.org 

Por Fernando Jordão - Correio Braziliense

 

Em um esforço para difundir e popularizar a reforma da Previdência, o presidente Michel Temer deve participar, em breve, do Programa Silvio Santos, do SBT. A informação foi divulgada pelo colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, e confirmada pelo Correio.

De acordo com o Palácio do Planalto, o convite partiu do apresentador. Agora, a Presidência busca maneiras de viabilizar a participação de Temer. Até o momento, contudo, não há previsão de quando o programa iria ao ar.

Já a assessoria do SBT informou ainda não ter informações sobre a presença de Temer no dominical. A única certeza da emissora é que a participação do presidente não acontecerá no próximo domingo (17/12), uma vez que o programa já foi gravado, sem a presença do peemedebista.

A FAVOR – Silvio Santos e sua emissora já se mostraram favoráveis à aprovação da reforma da Previdência em outras ocasiões. No começo do ano — antes das duas denúncias contra o presidente Michel Temer serem apresentadas —, a estação veiculou diversos anúncios defendendo as mudanças no sistema previdenciário. Em tom de alerta, uma das campanhas dizia: “Você sabe que se não for feita a reforma da Previdência, você pode deixar de receber o seu salário?”

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
15dez/170

Reconhecimento

Na CLDF, assessores de distritais elegeram Lira como o “Trapalhão do Ano”, devido ao show de estranhos comentários, propostas e atitudes do parlamentar durante o ano de 2017. O distrital de São Sebastião derrapou muito em 2017 e ainda inventou uma CPI  que causou enorme dor de cabeça ao governo e cujo relatório final, escrito por Lira, foi considerado uma peça extraordinariamente ridícula que foi duramente criticada pela imprensa e até mesmo por colegas na Câmara Legislativa. Lira não gosta de ouvir conselhos. Reeleição comprometida.

Fonte: Donny Silva

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn