22abr/190

Mudanças na reforma não devem mexer em impacto de R$ 1 tri, diz secretário

O secretário de Previdência, Rogério Marinho, prevê que alterações na CCJ não irão alterar a ‘espinha dorsal’ da proposta. Governo quer votação na terça

Marinho afirma que está negociando com deputados pelo celular, já que muitos não estão em Brasília devido a volta do feriado de Páscoa (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O secretário da Previdência, Rogério Marinho, afirmou nesta segunda-feira, 22, que o governo trabalha com deputados na alteração do texto da reforma da Previdência para que o parecer de admissibilidade seja votado na terça-feira, 23.

O secretário não citou quais pontos seriam modificados, mas afirmou que a economia fiscal deve ser mantida em cerca de 1 trilhão de reais em dez anos – mesmo com as mudanças que estão sendo tratadas com líderes do centrão.

Estamos tratando do tema com os líderes que nos procuraram para trazer algumas sugestões. É possível algumas modificações, mas, como eu já disse anteriormente, não haverá impacto fiscal e nem se mexerá na espinha dorsal do projeto no que tange à questão previdenciária”, declarou Marinho a jornalistas.

De acordo com o secretário, não há reunião agendada para essa segunda-feira para tratar nas alterações do texto, já que muitos deputados não estão em Brasília. “Só posso falar no projeto no momento em que o acordo for fechado. Vários deputados estão retornando do feriado de Páscoa, e a gente está fazendo o que a legislação trabalhista permite, o teletrabalho”, disse.

Apesar da ausência de uma reunião presencial, Marinho afirmou que o governo prevê a votação para terça-feira e que os detalhes serão acertados para que o texto possa ser apreciado.

Amanhã haverá a votação. É a informação que eu tenho dos líderes e do próprio presidente da CCJ, do presidente [da Câmara] Rodrigo Maia e daqueles que fazem parte da comissão. A maior parte dos partidos que estão alinhados com a pauta está convencida da necessidade de ultrapassarmos essa etapa, até porque nós iremos discutir o mérito na comissão especial”.

Na última quarta-feira, o líder do PP na Câmara, Arthur Lira (AL), disse, após reunião com Marinho, que teriam saído do texto o fim da multa do FGTS para aposentado que ainda trabalha e for demitido; a exclusividade da Justiça Federal do Distrito Federal para julgar processos contra a União em relação à reforma; a alteração da idade para aposentadoria compulsória de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF); e a condição para que só o Executivo faça mudanças no sistema previdenciário.

Outros pontos do projeto que geram muito ruído entre os deputados são mudanças na aposentadoria rural, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e capitalização. Esses temas, porém, devem ser negociados na comissão especial.

Fonte: Veja

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
22abr/190

Santa Maria: Saindo da lua de mel, com Radar na cola

Os embates políticos com vistas a 2022 já começaram pelo os lados de Santa Maria. O segundo colocado nas eleições distritais na região, Daniel Radar, anda como uma "metralhadora giratória" para cima da distrital Jaqueline Silva.

O chamado período de "lua de mel" da distrital com uma boa parte dos moradores da cidade, parece que chegou ao fim.

Com fortes críticas sobre a novata deputada distrital, Daniel Radar, começa a ganhar adeptos e deverá disputar com Jaqueline Silva em 2022 o domínio eleitoral da importante cidade de Santa Maria.

Vale lembrar que já tem gente ligados a distrital se debandeando para o barco radazista.

 

Redação

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
22abr/190

Ação Social chegará a Vila Cauhy

Moradores da Vila Cauhy recebem ação social neste sábado (27)

Vila Cauhy

A Administração Regional do Núcleo Bandeirante em parceria com o Circo Teatro Artetude, Policia Militar, Corpo de Bombeiros, Detran, Aeronáutica e Instituto Embelleze estarão promovendo neste sábado dia 27 de abril uma Ação Social de caráter comunitário. O evento será realizado na Praça da Vila Cauhy a partir das 13h.

O objetivo dessa ação é mobilizar a população local, para participar e conhecer os serviços públicos de garantia dos direitos sociais prestados em favor da comunidade local, e proporcionar práticas culturais, recreativas, além de representar um mecanismo importante de ampliação da cidadania e coletividade.

Na programação do evento estão previstas as seguintes ações:

Espaço das Crianças: Circo Teatro Artetude, palestra com Ryan Maia, brinquedos infláveis, sorteios de brindes, refrigerante, cachorro quente, pipoca, algodão doce e dindim.

Serviços: Amigos da Visão, corte de cabelo, atendimento jurídico, ouvidoria e artesanato.

O Corpo de Bombeiros estará presente com várias ações. Haverá a presença do Batalhão de Policia de Cães, Projeto Lobo Guará, Teatro do Detran, ações sociais da Aeronáutica, aulas de lutas e apresentações musicais.

Haverá a inauguração do portal de entrada da Vila Cauhy e todas as atividades são gratuitas.

Serviço:

Ação Social na Vila Cauhy

Data: Sábado | 27 de abril

Horário: a partir das 13h

Local: Praça da Vila Cauhy

 

Fonte: Conectado ao poder

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
22abr/190

Em debate a defesa das mulheres

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
21abr/190

Feliz Aniversário Brasília!!!!

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
21abr/190

Uma reflexão sobre a Páscoa

Davi Emanuel - arquivo gbu

Olá amigos!

Está chegando mais uma páscoa, momento que comemoramos a ressurreição de Cristo, porém uma coisa fica explícita nesse período, existem alguns elementos que são esquecidos pela maioria da população. Entre as várias propagandas comerciais onde se mostram apenas os coelhinhos e os ovos de chocolate com vários sabores e recheios diferentes, vem a pergunta, QUAL É O VERDADEIRO SENTIDO DA PÁSCOA?

Inicialmente temos que entender a origem da PÁSCOA. Os cristãos, todos os anos, na primeira lua Cheia, depois do equinócio vernal de cada ano, que acontece entre março e abril, comemora o momento histórico onde nosso salvador JESUS Cristo ressuscita, trazendo esperança e redenção para o mundo inteiro. Esse é o verdadeiro sentimento da páscoa, lembrar que Jesus CRISTO vive para todo o sempre.

Porém, existem dois personagens que ganharam um espaço importante nesse período histórico. são eles, O COELHO e o CHOCOLATE. A ligação do coelho tem várias vertentes, contudo, a que é mais aceita, é a dos imigrantes alemães, que devido a grande capacidade de reprodução dos coelhos, o associou a vida nova, dando simbologia a um novo tempo.

Quanto ao chocolate, a história mostra que a páscoa, é a celebração da saída dos judeus do Egito e sua libertação da escravidão. Na páscoa, o ovo é usado como símbolo do povo de Israel, pois não perde a forma ao ser cozido, assim como os hebreus o foram pelo sofrimento e pela dor e mesmo assim não perderam a identidade e fidelidade a Deus, criando um vínculo com o chocolate, que foi adotado como matéria-prima dos ovos presenteados no século XIX, por confeitarias francesas.

Dessa forma, fica claro que mesmo com todo esse envolvimento comercial, e tentativa de desvio de atenção, o verdadeiro sentido da páscoa é lembrar da morte e ressureição de Jesus Cristo, pois não foi chocolate, mas sim o sangue de Jesus. Não foi o ovo, e sim a cruz, não foi um COELHO, mas sim JESUS CRISTO DE NAZARÉ QUE MORREU POR NÓS, MAS RESSUCITOU NO TERCEIRO DIA.

FELIZ PÁSCOA PARA TODOS!

*DAVI EMANUEL SEU CONSELHEIRO NA FÉ*

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
21abr/190

Brazlândia de luto! Morre Ivonete, uma menina especial

A menina Ivonete mais que especial para a comunidade de Brazlândia nos deixou nesse feriado para morar no céu. Ela nos deixa vítima de morte natural.

Descanse em paz IVONETE!!!

O blogdogbu deseja força a família enlutada.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
21abr/190

Esporte: Futebol amador perdendo espaços nas satélites

Imagem- arquivo Google

José Carlos Lelis

Por José Carlos Lelis

Os números da violência a nível nacional mostram uma redução no primeiro trimestre no governo Bolsonaro. A esperança de dias melhores devem passar pela a geração de emprego e um forte investimento nas políticas públicas em cada canto desse país.

Em Brazlândia, uma das cidades satélites do DF, precisamos ver ações de seus gestores no sentido de equacionar a ausência de praças esportivas na região.

Zagueiro Nem ao centro médico/Google

O futebol amador da cidade considerado como um dos melhores do DF, produziram craques que chegaram ao cenário nacional, podemos citar como representante legítimo da cidade o jogador Nen, ex- Palmeiras e Bahia.

Lembrando que o grande zagueiro Nen, foi formado pelas as categorias de base do Renner da quadra 12 norte e treinado pelo o grande treinador do futebol amador da cidade, Epaminondas.

Imagem - arquivo Google

Agora, vivemos o dilema de termos uma juventude ativa nos meios tecnológicos, redes sociais e uma parcela representativa nos chamados Campos de várzeas praticando o futebol amador.

A falta de novos campos de futebol amador nas cidades satélites e em especial Brazlândia, acaba por neutralizar a prática da mais respeitada modalidade esportiva do país e porque não dizer sepulta sonhos de jovens crianças da periferia.

Imagem - arquivo Google

Em domingo de Páscoa, fica a reflexão da necessidade do poder público  investir mais nas pessoas e menos em estruturas de concreto. Nossa criançada precisa; estudar, correr, brincar e jogar futebol. Mas também precisamos da tomada de decisão dos gestores públicos com visão de futuro e que tenham compromisso com o amanhã dessa nova geração.

Novos espaços esportivos em Brazlândia é uma necessidade!!!

 

Redação/José Carlos Lelis

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
19abr/190

Esporte: Flamengo segue favorito ao título carioca 2019

Por José Carlos Lelis

O futebol é considerado para muitos uma verdadeira "caixinha de surpresas" quando o assunto é decisão de título.

Nesse domingo (21) o Flamengo deverá entrar em campo contra o combalido time vascaíno pelo menos com uma mão na taça do título carioca de 2019.

Embora não sofra alterações significativas em sua escalação no time titular, o jovem técnico vascaino, Alberto Valentim, terá a dura missão em armar taticamente uma equipe desmotivada e sem a confiança do torcedor Cruzmaltino para romper um paredão defensivo do rubro-negro que contará com a força de craques experientes como; Cuéllar e Rodrigo Caio.

Já o sortudo Abel Braga deverá ter uma dor de cabeça agradável para substituir o artilheiro Bruno Henrique, suspenso pelo o número desnecessário de cartões amarelos ao longo da fase final da competição.

Nas arquibancadas a maioria dos torcedores serão flamenguistas, tendo em vista que o mando de jogo na grande final será do mengão.

Mas os torcedores vascaínos carregam em si o sentimento do milagre. Resta saber se na semana santa o Flamengo vai aceitar nadar  e morrer na praia em pleno feriadão.

Para fechar com "chave de ouro" agora os torcedores dos dois clubes precisam manter o comportamento, torcerem sem violência e acreditar numa grande final com o maraca lotado.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18abr/190

CLDF EM MOVIMENTO

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18abr/190

Política: Assim como Ibaneis, Iolando vai avaliar rendimento da sua equipe

Distrital fará análise de rendimento de sua equipe ao final do primeiro semestre

A decisão do chefe do executivo local em fazer avaliação de desempenho de sua equipe nos primeiros cem dias de governo, tem mexido no brio da classe política de Brasília.

O blogdogbu descobriu que pelo menos um parlamentar deverá adotar a mesma postura de Ibaneis Rocha no quesito, avaliar equipe e seu rendimento.

O distrital Iolando Almeida fará no mês de julho uma análise minuciosa de sua equipe política, incluindo todos aqueles que ocupam cargos por indicação dele, tanto no poder legislativo como no executivo.

Segundo apurou o blogdogbu, o distrital Iolando Almeida, será implacável com aqueles servidores que tratam mal a comunidade.

E tem aliados do distrital que concorda com a decisão do parlamentar do PSC;" O deputado Iolando está certo em afastar aqueles que não estão rendendo para a sociedade. Ele mostra respeito com a comunidade e amadurecimento político na decisão", declarou um aliado de primeira hora de Almeida.

 

Redação

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
18abr/190

Preso há três anos, ex-senador Gim Argello parcela a multa para ser libertado

Cresceram as chances de o ex-senador Gim Argello, preso há três anos no âmbito da Lava-Jato, deixar o xadrez.

O ex-parlamentar quitou a primeira parcela da dívida de R$ 7,35 milhões relativa à reparação de danos e pediu a expedição da carta de livramento. Desde que atingiu um dos principais requisitos para conquistar a liberdade condicional, ao cumprir um terço da pena, em dezembro de 2018, Argello pleiteia o benefício. No entanto, esbarrava na forma de pagamento da cifra milionária admitida pela Justiça — o ressarcimento aos cofres públicos é a última etapa para que ele saia do Complexo Médico Penal de Pinhais, no Paraná.

O juiz da 1ª Vara de Execuções Penais de Curitiba permitiu o parcelamento do débito, desde que o prazo máximo para a quitação coincidisse com o término da pena, em 2028.

RECURSOS – Nos últimos quatro meses, inconformado, sob a alegação de não deter dinheiro suficiente para realizar o repasse no molde autorizado, o ex-senador impetrou recursos e apresentou outros planos de pagamento — todos indeferidos pela Justiça. Mas, na quinta-feira, o filho dele, Jorge Afonso Argello Júnior, fez o primeiro depósito, de R$ 108 mil, na conta vinculada à 13ª Vara Federal.

O comprovante consta na petição entregue à Justiça no mesmo dia, que conta com um atestado de bom comportamento carcerário. “Requer que seja expedida a carta de livramento, com a cópia da decisão à autoridade administrativa incumbida da execução (Complexo Médico Penal do Paraná) e outra ao Conselho Penitenciário, permitindo-se a imediata soltura do reeducando”, diz o advogado Marcelo Lebre Cruz, no documento. Os autos foram encaminhados à 3ª Promotoria de Justiça das Varas de Execuções Penais de Curitiba para manifestação.

Ao Correio, Marcelo Lebre afirmou que, com o pagamento, estão cumpridos todos os requisitos legais para a liberdade condicional do ex-senador.

OUTROS PEDIDOS – A defesa de Gim Argello pediu a liberdade condicional do cliente, pela primeira vez, em 6 de dezembro, um dia antes do cumprimento de um terço da penalidade de 11 anos e oito meses. Na petição, os advogados destacaram que o ex-senador, réu primário, havia chegado, àquela época, a três anos, 11 meses e três dias da punição. E pontuaram que, por meio da leitura de livros, trabalho na penitenciária e cursos profissionalizantes, o ex-parlamentar conseguiu abater 451 dias da pena.

A última investida previu o parcelamento da dívida em dois formatos. Um deles estimava entrada de R$ 46,5 mil — bloqueados na conta de Argello — e mais 367 parcelas de R$ 9.886. A outra indicou a quitação por meio de parcelas mensais e ininterruptas de R$ 10 mil — a divisão do débito ocorreria em mais de 61 anos e, se aprovado o plano de pagamento, Gim Argello, só resolveria a pendência em 2080, aos 117 anos.

JUROS E CORREÇÃO – O juiz Eduardo Lino Bueno Fagundes Júnior negou os planos de pagamento apresentados pelos advogados, admitindo que as parcelas perdurassem somente no período de duração da pena. Na decisão, o magistrado ressaltou que serão acrescidos juros e correção monetária ao valor inicial e alertou que o benefício poderia ser revogado em caso de inadimplência. A 2ª Câmara Criminal do Tribunal do Paraná confirmou o entendimento no fim de março.

Com planos de sair da cadeia, Gim é réu em outro processo da Lava-Jato, por um esquema similar ao que o levou ao xadrez. A força-tarefa Lava Jato do Ministério Público Federal no Paraná acusa o ex-parlamentar de receber propina da Galvão Engenharia para amenizar as investigações relativas à empresa em comissões de inquérito da Petrobras instauradas no Congresso Nacional.

Conforme a denúncia, entre junho e dezembro de 2014, Gim pediu e aceitou R$ 5 milhões da Galvão Engenharia. Efetivamente, o ex-senador supostamente recebeu R$ 1,6 milhão do montante acertado no início das negociações.

 

Ana Viriato
Correio Braziliense

Quero CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn